Gazeta Esportiva

Capitão da Seleção, Thiago Silva diz estar em sua melhor versão e agradece confiança: "Super motivado"

São Paulo, SP

23/11/22 | 10:49

Partindo para a sua quarta Copa do Mundo, o experiente Thiago Silva terá a responsabilidade de carregar a faixa de capitão da Seleção Brasileira na partida contra a Sérvia. Nesta quarta-feira, em entrevista coletiva, o zagueiro agradeceu a confiança da comissão técnica e destacou a sua motivação para fazer um bom Mundial.

“Sempre estive bem preparado para todas situações. è um momento especial. Agradeço a comissão técnica pela confiança. Estou super motivado para ajudar da melhor maneira. É uma competição de tiro curto, temos de estar preparados para o primeiro confronto, sabemos a pressão e a importância do primeiro jogo. Nervosismo faz parte, estamos bem equilibrados para fazer uma boa estreia”, comentou.


Apesar de já estar com 38 anos, o defensor do Chelsea acredita que está vivendo um de seus melhores momentos da carreira. Em meio a esta boa fase e as experiências das Copas de 2010, 2014 e 2018, ele afirmou que se sente muito mais tranquilo para representar a Amarelinha no Catar.

“Algumas coisas mudam com o passar do tempo, é a coisa mais natural e normal. Hoje sou um cara muito melhor preparado. Às vezes você precisa bater a cara na parede para aprender. Às vezes precisamos passar por estes processos. Hoje, com certeza, sou um cara bem melhor preparado para este momento, super tranquilo e super à vontade aqui dentro, com a confiança de todos", disse.

"Isto demonstra o quão respeitoso sou com eles. Fico bem tranquilo neste momento. Estou aproveitando, é a melhor versão do Thiago Silva. Aos 38 anos estou atravessando uma das melhores fases da minha carreira. Como pessoa, sou um cara realizado. Tenho uma família incrível”, ampliou.

Por fim, Thiago Silva pediu para que os torcedores confiem na Seleção Brasileira, que sonha com o hexacampeonato.

“A gente pode passar ao torcedor o que passamos entre nós, de acreditar tudo que foi feito até este momento. Estamos prestes a fazer uma estreia de Mundial, em uma posição muito favorável no sentido de estar bem em todas as áreas. Falei recentemente que teríamos de deixar todos os problemas para o professor decidir, na lista de 26", declarou.

"Tivemos duas lesões de jogadores que estariam na disputa por isso, mas de resto todos estão com a saúde em dia, bem focados no que precisa ser feito. Peço para que a torcida confie na gente, estamos prontos para fazer uma grande Copa do Mundo. Claro que o título está muito distante, mas sonhar é grátis e sonhamos com isso”, finalizou.

A Seleção Brasileira começa a sua trajetória no Mundial de 2022 na quinta-feira, às 16 horas (de Brasília), contra a Sérvia, no Estádio Lusail. O Brasil está no grupo G, que ainda conta com Suíça e Camarões.

Deixe seu comentário