Futebol/Campeonato Catarinense

Diante do Cascavel, Furacão sub-23 começa busca pelo fim de jejum

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes - Curitiba , PR -
01/02/2015 09:00:00

Em: Atlético-PR, Campeonato Paranaense, Campeonatos, Campeonatos Estaduais, Futebol, Região Sul

Utilizando mais uma vez o Campeonato Paranaense como laboratório, o Atlético Paranaense entrará em campo com sua equipe sub-23 e estreia na competição neste domingo, às 17 horas (de Brasília), diante do Cascavel, no Estádio Olímpico Regional. Para os jovens jogadores é uma chance de chegar ao grupo principal. Porém, com a responsabilidade de encerra o jejum de títulos iniciado após a conquista de 2009.

Desta vez ficará a cargo de Marcelo Vilhena comandar o grupo rubro-negro. Sem traçar uma meta, o treinador prefere pensar jogo a jogo, mas sem deixar de pensar em somar pontos e, se possível, conseguir uma sequência positiva. “São quatro rodadas em praticamente 10 dias. Temos que estar preparados para os desafios que surgirão. Temos que fazer meta a meta, jogo a jogo, fase a fase. Neste primeiro momento, temos que passar por estas quatro partidas de uma forma interessante, com um bom número de pontos e bons jogos”, acrescenta.

Campeão da Divisão de Acesso em 2014, o Cascavel chega à primeira divisão com a missão de resgatar a cultura do futebol da cidade do interior paranaense. Durante a preparação, a equipe mostrou que chega forte, com direito a empate diante do Grêmio, em amistoso diante da torcida da Serpente. A pré-temporada, aliás, iniciou em dezembro, teve uma pausa para as festas, e retornou com uma série de jogos preparativos que, segundo o técnico Paulo Foiani, atestaram a evolução do time.

Novamente com um time sub-23, o Atlético-PR inicia 2015 querendo encerrar jejum de títulos
Novamente com um time sub-23, o Atlético-PR inicia 2015 querendo encerrar jejum de títulos – Credito: Divulgação/Atlético-PR

Londrina começa busca pelo bi e mais dois jogos – Outros três jogos fecham a primeira rodada, todos com inicio às 17 horas (de Brasília). No principal. O atual campeão, o Londrina, começa a busca pelo bicampeonato e defende seu favoritismo ao manter a base que conquistou a vaga para a Série C do Campeonato Brasileiro, no Estádio do Café, diante do Foz do Iguaçu, que ganhou uma vaga de última hora com a desistência do Arapongas.

Enquanto isso, no Estádio Willie Davids, o Maringá, do atacante Gabriel Barcos, espera entrar na briga pelo título repetindo a grande campanha de 2014. A caminhada começa diante do Operário, de Ponta Grossa, que apostou em uma pré-temporada forte e conta com reforços e novos patrocinados para não entrar na disputa apenas para lutar contra o rebaixamento.

Em Curitiba, o J. Malucelli, com o time reforçado, quer voltar a ser uma pedra no sapato do trio de ferro e entrar na luta pelas primeiras posições, começando por bater o Rio Branco, de Paranaguá, no Ecoestádio Janguito Malucelli. No elenco do Leão da Estradinha, destaque para ao meia Roger, que passou por Corinthians, Flamengo e pela seleção da Polônia.

FICHA TÉCNICA
CASCAVEL X ATLÉTICO-PR

Local: Estádio Municipal Arnaldo Bussato, em Cascavel (PR)
Data: 1º de fevereiro de 2015, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva
Assistentes: Moisés Aparecido de Souza e Jefferson Cleiton Piva da Silva

CASCAVEL: Vinícius; Alex, Lucca, Maurício e Marquinhos; Duda, Sorbara, Dewide e Anderson Rosa; Henrique Dias e Jorge Preá
Técnico: Paulo Foiani

ATLÉTICO-PR: Alexandre; Mario Sérgio, Lula, Ricardo Silva e Sidcley; Mattheus, Guilherme Batata, Gustavo Marmentini e Bruno Pelissari; Júnior Barros e Pedro Paulo
Técnico: Marcelo Vilhena