Húngaro Aron Szilagyi conquista tricampeonato olímpico na esgrima

AFP - São Paulo,SP

24-07-2021 11:39:07

O húngaro Aron Szilagyi, 31 anos, se tornou neste sábado em Tóquio o primeiro esgrimista a conquistar três títulos olímpicos consecutivos, uma façanha que só havia sido alcançada até agora por uma mulher, a italiana Valentina Vezzali no florete.

Na final de Tóquio-2020, a primeira da esgrima em Tóquio-2010, Szilagyi, quarto do ranking mundial, derrotou o italiano Luigi Samele (11º) por 15 a 7 e conquistou sua terceira medalha de ouro olímpica, depois de Londres-2012 e Rio-2016.

O sul-coreano Kim Junghwan conquistou o bronze, ao superar o georgiano Sandro Bazadze na disputa do terceiro lugar por 15 a 11.

O êxito de Szilagyi é mais uma consagração para a escola húngara da esgrima. O nível de excelência é tamanho que um bicampeão olímpico (1968 e 1972) da espada, Paul Schmitt, foi presidente da República em 2010.

Szilagyi também é conhecido por sua inteligência. Ele já venceu vários concursos de matemática.

Na categoria espada feminino, a chinesa Yiwen Sun conquistou a medalha de ouro ao derrotar na final a romena Ana Maria Popescu por 11-10.

O combate terminou 10-10 e a atleta da China conquistou o ponto de ouro no tempo extra.

A estoniana Katrina Lehis faturou o bronze ao superar Aizanat Murtazaeva, que representa o Comitê Olímpico Russo, por 15 a 8 na disputa do terceiro lugar.

Deixe seu comentário