Gasol e Federica Pellegrini são os novos membros da Comissão de Atletas do COI

AFP - São Paulo,SP

04-08-2021 06:05:18

Quatro grandes nomes do esporte foram eleitos novos membros da Comissão de Atletas do Comitê Olímpico Internacional (COI) na votação feita entre os esportistas presentes nos Jogos de Tóquio-2020, anunciou nesta quarta-feira o COI.

Foram designados o jogador de basquete espanhol Pau Gasol, a nadadora italiana Federica Pellegrini, o esgrimista japonês Yuki Ota e a ciclista polonesa Maja Martyna Wloszczowska, que passam a ser "os porta-vozes dos atletas do movimento olímpico", de acordo com a entidade olímpica.

As eleições ocorreram entre 13 de julho e 3 de agosto e 6.825 atletas votaram, o que representa uma taxa de participação de 61,27%, explicou o COI.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Os quatro novos membros anunciados nesta quarta-feira terão um mandato que vai durar até os Jogos de Los Angeles-2028.

Pau Gasol, de 41 anos, encerrou sua participação em seus quintos Jogos Olímpicos na terça-feira na derrota da Espanha por 95-81 para os Estados Unidos nas quartas de final do torneio masculino de basquete.

Em seu retrospecto, o catalão tem duas medalhas de prata (Pequim-2008 e Londres-2012) e uma de bronze (Rio-2016).

"É emocionante e difícil de acreditar, o basquete nos deu tanto!", disse Gasol após ser eleito.


“É um momento muito especial. Houve muitos encontros e conversas para aprender com muitos membros da comissão de atletas e saber um pouco sobre o desafio que me foi apresentado, que era ser membro do movimento olímpico", acrescentou o espanhol.

A lenda italiana da natação Federica Pellegrini, de 32 anos, se despediu das competições na quarta-feira passada após ter vivido sua quinta final olímpica consecutiva nos 200m livre em Tóquio, uma série única na história.

"Vou partir em paz depois de ter vivido tantos momentos incríveis. Foi uma boa viagem que gostei do princípio ao fim", declarou após participar de sua última competição nessa modalidade, em que foi prata em Atenas 2004 e ouro em Pequim, quatro anos depois.

Deixe seu comentário