Antes do coronavírus, apenas as guerras mundiais pararam os Jogos Olímpicos

AFP - São Paulo,SP

24-03-2020 18:21:31

Os Jogos Olímpicos sofreram boicotes (1980 e 1984), ataques terroristas (1972 e 1996) e até epidemias (SARS em 2004 e Zika no Rio 2016), mas o maior evento esportivo do mundo nunca deixara de ser comemorado em tempos de paz.

A pandemia do novo coronavírus, que contaminou mais de 386.000 pessoas e causou mais de 17.000 mortes em todo o mundo, causou o adiamento dos Jogos de Tóquio-2020, situação que até agora só havia ocorrido com as duas guerras mundiais.

Berlim - 1916  

Em 1912, o Comitê Olímpico Internacional (COI) concedeu a organização dos Jogos da VI Olimpíada a Berlim, que venceu outras cinco cidades (Alexandria, Amsterdã, Bruxelas, Budapeste e Cleveland).

O Império Alemão se uniu em torno do evento. Em 1913, um estádio foi inaugurado em Berlim, com capacidade para 33.000 espectadores, a tempo de comemorar com grande pompa os 25 anos do reinado do imperador Guilherme II.

O estádio foi construído em apenas 200 dias, de acordo com o Comitê Olímpico Alemão (DOSB), e também tinha uma piscina de 100 metros de comprimento.

Pela primeira vez na história dos Jogos, as mulheres foram autorizadas a participar, mas apenas em algumas disciplinas (natação e mergulho, tênis e 'netball').

Mas no dia 28 de maio de 1914, quando já estavam sendo realizadas provas-teste em Berlim, o arquiduque Franz Ferdinand, herdeiro do trono do Império Austro-Húngaro, foi assassinado em Sarajevo com sua esposa por um nacionalista sérvio. Esse assassinato provocou o início da Primeira Guerra Mundial, em agosto de 1914.

As circunstâncias precisas do cancelamento dos Jogos de Berlim não são conhecidas com exatidão. No entanto, o fundador dos Jogos modernos, o Barão Pierre de Coubertin, decretou que esta edição contaria, apesar de tudo, como a VI Olimpíada, apesar do fato de os Jogos nunca terem sido realizados.

Após o conflito, a Alemanha foi excluída dos Jogos de 1920, organizados em Antuérpia, na Bélgica.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Tóquio - 1940

No início dos anos 30, as autoridades japonesas apresentaram a candidatura de Tóquio aos Jogos de 1940 como um meio de demonstrar ao mundo sua reconstrução após o Grande Terremoto de Kanto em 1923.

Uma semelhança preocupante com relação a Tóquio-2020, apresentada pelo governo japonês como "Jogos da reconstrução", após o terremoto, tsunami e o desastre nuclear de Fukushima em março de 2011.

Tóquio foi escolhida após uma hábil campanha de 'lobbing' do Japão, que conseguiu convencer o ditador italiano Benito Mussolini a retirar Roma da corrida prometendo apoio para a Olimpíada seguinte.

Apesar de tudo, a celebração dos Jogos foi se comprometendo devido ao expansionismo japonês na China, o que levou a uma crescente pressão diplomática das potências ocidentais.

No Japão militarizado da época, algumas vozes no país, por outro lado, começaram a questionar a utilidade de organizar os Jogos, em vez de se dedicar inteiramente ao esforço de guerra.

O Comitê Olímpico Japonês acabou jogando a toalha em julho de 1938, explicando que "problemas com a China" tornam impossível a realização dos Jogos em Tóquio.

O Japão também renunciou aos Jogos de Inverno de 1940, que seriam realizados na cidade de Sapporo, no norte. O COI decide que os Jogos de Verão de 1940 serão realizados em Helsinque e os Jogos de Inverno em Saint-Moritz (Suíça), mas ambos os eventos foram cancelados quando a Segunda Guerra Mundial estourou, em setembro de 1939. Dezenove anos após o conflito, em 1964, Tóquio finalmente se tornará a primeira cidade asiática a sediar os Jogos Olímpicos.

O Japão também renunciou aos Jogos de Inverno de 1940, que seriam realizados na cidade de Sapporo, no norte do país.

O COI decidiu que os Jogos de Verão de 1940 serão realizados em Helsinque e os Jogos de Inverno em Saint-Moritz (Suíça), mas os dois eventos acabaram sendo cancelados quando a Segunda Guerra Mundial estourou, em setembro de 1939.

Dezenove anos após o conflito, em 1964, Tóquio finalmente se tornou a primeira cidade asiática a sediar os Jogos Olímpicos.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Londres - 1944

Embora as nuvens negras estivessem concentradas no céu da Europa, onde a Alemanha nazista logo causaria uma grande tempestade, o COI se reuniu em Londres em 1939 para designar a capital britânica como sede dos Jogos de 1944.

Na votação, Londres venceu Roma, Detroit, Lausanne e Atenas, mas apenas dois meses depois, a guerra com a Alemanha foi declarada e os Jogos de 1944 caíram no esquecimento.

Os Jogos de Inverno, que ocorreriam no mesmo ano em Cortina d'Ampezzo (Itália), tiveram o mesmo destino. Anos mais tarde a estação de esqui italiana celebrou os Jogos de 1956 e o mesmo vai ocorrer em 2026, junto com Milão.

Londres só foi sediar seus primeiros Jogos em 1948, que foram chamados de 'Jogos da Austeridade' como consequência das condições simples de hospedagem oferecidas aos atletas, apenas três anos após a guerra.

Derrotados no conflito armado, a Alemanha e o Japão não foram convidados.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário