Após acidente, Sainz passa bem e quer aval médico para correr domingo

São Paulo, SP

10-10-2015 11:00:58

Carlos Sainz Jr. foi, na manhã deste sábado, o protagonista do acidente mais grave da temporada 2015 da Fórmula 1. Mas nem por isso o jovem piloto da Toro Rosso pensa em ficar de fora do GP da Rússia. Do hospital onde se trata após o susto em Sochi, o espanhol postou na internet uma foto em que aparece dando sinal de positivo e, junto à imagem, escreveu uma mensagem dizendo estar bem, esperando o aval médico para correr neste domingo.

“Está tudo bem. Nada que preocupe. Já estou pensando em como convencer os médico para eu estar no grid de amanhã”, disse o piloto de 21 anos em sua conta no Twitter.

O grave acidente ocorreu a 25 minutos para o fim do terceiro treino livre, quando Sainz perdeu o controle de sua Toro Rosso após passar a curva 13 para, na sequência, bater com força no muro lateral de proteção.

Imediatamente, a equipe de primeiros socorros do autódromo de Sochi entrou em ação e atendeu o espanhol ainda no carro. Após ser removido do cockpit, o piloto foi levado de maca para o centro médico do local e, de lá, partiu de helicóptero para um hospital das proximidades.

Em menos de uma hora após o acidente, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) tranquilizou os fãs da categoria ao informar que “o piloto está consciente. Ele está Ok. Conversou com os médicos e aparentemente passa bem. Agora, vamos ver o que acontece. Mas ele está consciente, conversando e até tentou retirar sozinho o capacete".

Chefe da Toro Rosso, Franz Tost confirmou a informação. "Carlos está consicente, ele está com os médicos agora. Eles irão ver se ele poderá continuar neste final de semana de corrida", declarou Tost. Sainz deixou o circuito de Sochi de helicóptero rumo a um hospital nas proximidades.

Ainda não há uma confirmação oficial se Carlos Sainz Jr. disputará ou não a corrida deste domingo, marcada para começar às 8 horas (de Brasília).

https://twitter.com/carlosainz/status/652814497841836032/photo/1

Deixe seu comentário