Vôlei/Superliga Feminina

Rexona-Ades despacha Pinheiros e vai às semifinais da Superliga

São Paulo , SP
15/03/2016 21:11:05 — 15/03/2016 23:29:14

Em: Mais Esportes, Vôlei
Vicente Condorelli
Cariocas venceram por 3 sets a 0 em casa e enfrentarão rival Osasco nas semifinais (Foto: Vicente Condorelli/CBV)

Dono da melhor campanha da primeira fase da Superliga, o Rexona-Ades segue soberano na competição. Nesta terça-feira, a equipe do Rio de Janeiro venceu mais um duelo contra o Pinheiros/Klar por 3 sets a 0, com parciais de 25/20, 25/21 e 25/19, no ginásio do Tênis Clube, na Tijuca, e classificou-se para as semifinais da competição.

No jogo de ida, sábado, em São Paulo, as cariocas venceram pelos mesmos 3 sets a 0. Com os dois triunfos, as atuais campeãs chegam às semifinais com a marca de 22 vitórias seguidas na Superliga – a última derrota aconteceu em novembro de 2015, contra o Vôlei Bauru.

Mesmo sem a ponteira Gabi, uma das principais jogadoras da equipe, as comandadas de Bernardinho não sentiram grandes dificuldades diante das paulistas contando com Régis na posição. Ao final do duelo, o Pinheiros viu duas atletas se despedirem das quadras: a líbero Verê e a ponteira Ana Paula.

Nas semifinais, o Rexona-Ades terá pela frente o grande rival Vôlei Nestlé/Osasco. O primeiro duelo entre as principais equipes do vôlei brasileiro acontecerá na próxima terça-feira, em Osasco, e o segundo na sexta-feira (25), no Rio. Caso necessário, a terceira partida acontece dia 29. O Rio busca seu quarto título consecutivo na Superliga, e o 11º no geral.

Minas elimina Rio do Sul – O Camponesa/Minas é o terceiro semifinalista da Superliga feminina. A equipe mineira voltou a vencer o Rio do Sul/Equibrasil nesta terça-feira, por 3 sets a 0 (25/20, 25/21 e 25/14), em Santa Catarina, e avançou sem precisar do terceiro jogo – na ida, vitória por 3 sets a 2. O adversário das mineiras será decidido nesta sexta-feira, no duelo de desempate entre Dentil/Praia Clube e Sesi, em Uberlândia.