Tênis

O Brasil vai fazer parceria com a Áustria em busca do título da chave de duplas do ATP 500 do Rio de Janeiro, que acontecerá entre os dias 16 e 22 de fevereiro, nas quadras de saibro do Jockey Club Brasileiro. Na última terça-feira, a ATP confirmou que os mineiros Marcelo Melo e Bruno Soares vão jogar ao lado de Julian Knowle e Alexander Peya, respectivamente.

Número 1 do tênis brasileiro, Thomaz Bellucci sofreu para vencer o irmão do equatoriano Nicolás Lapentti, Giovanni, em sua estreia no ATP 250 de Quito, no Equador. O paulista precisou 2h24 para derrotar o 307º do ranking mundial, por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 6/7 (4-7) e 6/2, e avançar às oitavas de final do torneio que tem o saibro como superfície.

Após furar o qualifying do ATP 250 de Quito, André Ghem não conseguiu avançar em sua estreia na chave principal da competição realizada no Equador. Nesta terça-feira, o tenista brasileiro foi superado pelo dominicano Víctor Estrella Burgos, cabeça de chave 8, por duplo 6/4.

Atual campeão do ATP 250 de Montpellier e principal favorito à conquista da competição, Gael Monfils conheceu nesta terça-feira seu adversário na estreia do torneio disputado no piso duro coberto. O tenista francês terá pela frente o seu compatriota Kenny de Schepper.

Nesta terça-feira, a equipe brasileira conheceu a ordem dos confrontos da Fed Cup, que acontece em San Luis Potosí, no México. As brasileiras estrearão na quinta-feira, às 16h (de Brasília) contra o Chile.

Após 2h27min de partida, brasileiro João “Feijão” Souza, número 2 do Brasil, caiu diante do colombiano Alejandro Falla, 122º no ranking, de virada, por 2 sets a 1, parciais de 6-7, 6-1 e 6-2, e foi eliminado na primeira fase do ATP 250 de Quito.



Número 1 do Canadá e 7 do mundo, Eugenie Bouchard rejeitou novo convite federação canadense para disputar a Fed Cup, principal competição feminina de nações. A equipe de seu país vai encarar a atual campeã, a República Tcheca, na primeira rodada do Grupo Mundial.

Cabeça de chave número 3 do ATP 250 de Montpellier, na França, a dupla formada pelo brasileiro André Sá e pelo croata Mate Pavic foi eliminada já na primeira rodada. Na manhã desta segunda-feira, os dois perderam para a parceria entre o australiano Rameez Junaid e o canadense Adil Shamasdin, por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 6/7 (3-7), 6/3 e 10/4 no super tie-break, em 1h34 de partida.

Mais na web