Conmebol se diz contra Superliga europeia e manifesta apoio à Uefa

AFP - São Paulo,SP

20-04-2021 23:02:31

O projeto da Superliga do futebol "destruirá a esperança" de jogadores e amantes do futebol em todo o mundo, disse o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, em uma carta enviada ao seu homólogo na Uefa, Aleksander Ceferin.

"Não tenho dúvidas de que o projeto da Superliga Europeia, desde a sua concepção, é claramente exclusivo e se afasta do modelo desportivo, colaborativo e inclusivo que as nossas instituições estão promovendo atualmente", disse Domínguez em uma carta à qual a AFP teve acesso.

Em sua mensagem, Domínguez destacou que o momento exige a união com o "único propósito" de proteger a governança e o desenvolvimento do futebol no mundo.

Além disso, manifestou o apoio da Conmebol ao chefão do futebol europeu.

O projeto da Superliga foi uma iniciativa de 12 poderosos clubes da Europa, mas com o passar das horas foi perdendo força devido à desistência de cinco times ingleses e ao descontentamento de torcedores e ex-jogadores.

O Manchester City foi o primeiro dos clubes da Premier League a anunciar sua saída do projeto, uma decisão seguida por Liverpool, Manchester United, Tottenham, Arsenal e Chelsea.

Agora restam no projeto da Superliga apenas os três times espanhóis (Real Madrid, Barcelona e Atlético de Madrid) e três italianos (Juventus, Inter e Milan).

Deixe seu comentário