Atuação de Erik destaca importância de Cuca e jogos-treino no Verdão

Bruno Calió - São Paulo,SP

27-06-2017 10:00:19

No último domingo, contra a Ponte Preta, Erik ganhou uma chance entre os titulares do Palmeiras e deu uma assistência para Guerra anotar o segundo gol alviverde, e decretar o triunfo por 2 a 1. Antes sem espaço, o atacante conquistou sua oportunidade com bom desempenho nos treinamentos.

Na quinta-feira, Erik e outros reservas participaram de um jogo-treino contra o São Caetano na Academia de Futebol, em que o Alviverde venceu de virada por 3 a 2. Na ocasião, o camisa 14 anotou todos os gols dos palmeirenses, o que fez com que recebesse elogios de Cuca. A prática é comum em dias após os jogos do Verdão para os atletas que não entram em campo.

"Foi uma semana com algumas dúvidas, se teríamos força máxima ou não contra a Ponte Preta. Fiz um bom jogo-treino contra o São Caetano, depois fiz o trabalho de recuperação na sexta-feira, porque sempre treino no meu máximo e foram dois tempos, então estava desgastado. No sábado, O Cuca reuniu o grupo e eu vi que estava entre os 11 titulares. Fiquei muito feliz”, disse o atleta.


Se recebeu elogios de Cuca, o atacante tratou de devolvê-los. Desde o retorno do treinador, Erik já atuou em quatro partidas do Campeonato Brasileiro, mesma quantidade de vezes que entrou em campo com Eduardo Baptista no Paulistão, mas em um terço do tempo.

"Ano passado fui importante com o Cuca, principalmente nos jogos fora de casa. O que falar dele? É uma grande pessoa, um grande treinador. O que mais me admira é ele que está em todos os cantos do clube. Se há um jogador na academia, fazendo um trabalho separado no cantinho do campo, ele está presente. Ele sabe o que está fazendo, apostou em mim e procurei dar o meu melhor”, completou.

Por fim, Erik deu dicas com base em sua experiência para outros jogadores do Palmeiras sem tanto espaço para atuar. Os jovens meias Hyoran, Raphael Veiga e Vitinho são alguns dos que receberam conselhos do atacante de 22 anos.

"É importante ter confiança, isso faz com que você se sinta mais leve. Temos grandes jogadores e o Palmeiras contratou algumas peças jovens para o elenco. Quem não está jogando tem que seguir trabalhando firme. O treino também escala o atleta às vezes”, finalizou.

Deixe seu comentário