Campeonato Brasileiro Séria A

Agente põe futuro de Neilton nas mãos de Ceni e revela interessados

Andre Garda* e Bruno Calió - São Paulo , SP
15/05/2017 16:21:03 — 15/05/2017 19:52:45

Em: Brasileiro Série A, Cruzeiro, Futebol, Mercado da bola, São Paulo

O futuro de Neilton está nas mão do técnico Rogério Ceni. Em contato com a Gazeta Esportiva, o empresário do atleta, Hamilton Bernardi, revelou que o jogador ainda espera uma posição oficial do Tricolor, que não comenta o assunto publicamente. Dependendo da definição, o atacante de 23 anos poderá ser devolvido ao Cruzeiro, clube que detém os seus direitos econômicos. O jovem jogador treinou normalmente, nesta segunda-feira, no CT da Barra Funda.

Ainda segundo informações apuradas pela Gazeta Esportiva, a saída de Neilton pode ser definida ainda nesta segunda-feira. Haverá uma reunião entre a comissão técnica e a diretoria tricolor para tratar do assunto, e a posição do técnico Rogério Ceni será fundamental para determinar se o atleta segue ou deixa o clube.

Hamilton Bernardi também disse que seis clubes estão interessados no jogador. Bahia e Botafogo, clube pelo qual Neilton atuou em 2015 e 2016, já emprestado pelo Cruzeiro, aparecem como os principais candidatos. Não está descartada, porém, a possibilidade de o atacante seguir na Raposa, caso deixe o São Paulo.

Neilton só disputou nove jogos pelo São Paulo (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

O atacante chegou ao São Paulo no início deste ano, envolvido em troca que levou o volante Hudson para o Cruzeiro. A situação do meio-campista na Raposa, entretanto, não deve ser alterada caso Neilton seja devolvido pelo Tricolor. Ambos os vínculos se encerram ao final deste ano e as duas agremiações têm o direito de exercer a opção de compra para manter o atleta em seu elenco.

Leia mais:

Atlético-GO confirma ‘chapéu’ do Vasco e questiona seriedade de Breno

Patrocinador do São Paulo prevê “boa notícia” aos torcedores

Nesta temporada, o jogador de 23 anos disputou apenas nove partidas, sendo seis delas no Campeonato Paulista. Dos confrontos, Neilton foi titular em apenas quatro, sendo que o último desses pode ter selado sua saída do clube. Na eliminação vexatória do São Paulo na Copa Sul-Americana, contra o Defensa y Justicia, o atacante foi titular da equipe, mas não agradou à torcida e nem ao técnico Rogério Ceni, que o sacou no intervalo do confronto.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Ads – Rodapé Posts