Futebol/Liga Europa

Com três de Aubameyang, Arsenal bate Valencia e está na final da Liga Europa

São Paulo , SP
09/05/2019 17:57:09

Em: Arsenal, Futebol, Futebol Internacional, Liga Europa, Valencia
(Foto: Javier Soriano/AFP)

O Arsenal está na final da Liga Europa. Depois de vencer o primeiro jogo em casa, os Gunners se impuseram no Estádio Mestalla, nesta quinta-feira, e bateram o Valencia por 4 a 2. Com a vitória, a equipe de Unai Emery se garantiu na decisão do torneio.

A vantagem do Arsenal era relativamente tranquila. Como ganhou o primeiro jogo por 3 a 1, no Emirates Stadium, a equipe de Unai Emery jogava pelo empate para se classificar.

A tranquilidade, entretanto, quase foi embora ainda nos primeiros minutos da etapa inicial. Logo aos 10, o Valencia abriu o placar com Kevin Gameiro. A resposta do Arsenal foi rápida e, aos 17 minutos, Aubameyang tratou de empatar o jogo.

Na segunda etapa, as equipes voltaram ainda mais intensas. O Arsenal virou a partida com Lacazette, logo aos cinco minutos, mas viu o Valencia colocar mais uma vez a igualdade no placar, novamente com Gameiro aos 14. Sem tirar o pé do freio, os Gunners retomaram a frente do placar e confirmaram a vitória com Aubameyang inspirado. O gabonês marcou aos 24 e aos 43 minutos para confirmar a classificação da equipe na final

Com a vitória, o Arsenal chega pela primeira vez à final da Liga Europa. A última vez que o clube chegou a uma final europeia foi em 2006, pela Liga dos Campeões. Na ocasião a equipe foi derrotada para o Barcelona e ficou com o vice.

O jogo

Não demorou muito para o placar ser alterado no Mestalla. Logo aos 10 minutos, o Valencia puxou um ataque rápido para o abrir o marcador. Rodrigo recebeu pelo lado esquerdo da área e viu Kevin Gameiro entrando do outro lado. O camisa nove se esticou e alcançou a bola para marcar o primeiro do time da casa.

A vantagem que era tranquila parecia ir embora, mas o Arsenal foi rápido na reação. Cech cobrou o tiro de meta em direção de Lacazette, que deu uma casquinha na medida para Aubameyang. O camisa 14 dominou e, na entrada da área, mandou a bomba com a perna direita para empatar a partida.

Depois do gol do Arsenal, apenas duas grandes oportunidades para cada lado. Aos 35 minutos, o Valencia teve uma falta perigosa para retomar a frente do placar. Na cobrança de Parejo, porém, a bola passou à direita do gol de Cech.

Aos 38, o time inglês quase virou a partida. Aubameyang fez uma boa jogada pelo lado esquerdo do ataque e tocou para Lacazette, que entrava pelo meio. O camisa nove emendou o chute com a direita, mas a bola beijou a trave e saiu pela linha de fundo.

No segundo tempo, as equipes voltaram a todo vapor. Bastou cinco minutos para o Arsenal voltar a balançar as redes. Torreira roubou a bola na intermediária e deu um bom passe para Lacazette. O atacante dominou de costas, girou em cima da marcação, e bateu firme para marcar o segundo dos visitantes.

Mesmo precisando de quatro gols, o Valencia não abaixou a guarda e parecia confiar na virada. Aos 13 minutos, Rodrigo recebeu na entrada da área, bateu firme e o chute encontrou Gameiro no meio do caminho. O desvio enganou o goleiro Cech, e a bola acabou entrando de mansinho no gol.

O Valencia circundava a área, mas não conseguia achar espaços. O Arsenal se resguardava mais na defesa e tentava assustar nos poucos ataques que tinha. Em um deles, o terceiro gol dos Gunners saiu. Maitland-Nails fez excelente jogada pela direita, chegou à linha de fundo e cruzou na medida para Aubameyang. O atacante só teve o trabalho de empurrar para as redes.

Já no finalzinho, o Arsenal ainda teve tempo para marcar mais um. Mkhitaryan deu um belo passe para Aubameyang. O gabonês entrou na área e chutou alto para marcar o seu terceiro gol na partida e confirmar o Arsenal na final da competição.