Futebol Internacional/Campeonato Francês

Pelo Francês, Lyon derrota o Monaco no último minuto

São Paulo , SP
13/10/2017 17:44:22

Em: Futebol, Futebol Francês, Futebol Internacional, Lyon, Monaco, Notícias

Em grande partida de futebol, que abriu a nona rodada do Campeonato Francês, o Monaco perdeu para o Lyon, fora de casa, pelo placar de 3 a 2, nesta sexta-feira. A equipe da casa não contou com o artilheiro da competição, Falcao Garcia, que foi preservado depois de defender a Colômbia nas Eliminatórias. Os gols do confronto foram marcados por Mariano Díaz e Fekir (duas vezes) para os mandantes, e Rony Lopes e Traoré, para os visitantes.

Na tabela de classificação, os comandados de Leonardo Jardim amargaram a segunda derrota na disputa com o resultado, que, junto das seis vitórias e um empate da equipe, faz com que o Monaco fique com 19 pontos conquistados, na vice-liderança, atrás do PSG. Já o Lyon soma agora 16 pontos, ocupando provisoriamente a terceira posição. Os comandados de Bruno Génésio não venciam há três rodadas.

O Monaco tem uma tarefa considerada fácil na próxima rodada do Campeonato Francês. Apesar de enfrentar o Caen, que vem fazendo campanha surpreendente, o confronto será disputado no Stade Louis II, casa da equipe do principado, que ainda não perdeu em seus domínios. O Lyon, por outro lado, encara o Troyes, fora de casa, no próximo domingo.

Confronto entre as duas equipes foi muito movimentado, com várias chances de gol pelos dois lados (Foto: Jean-Philippe Ksiazek/AFP)

O jogo – A partida entre as duas equipes começou extremamente movimentada. Logo aos cinco minutos de confronto, depois de cobrança de escanteio, Tousart subiu mais alto e fez belo cabeceio, mas a bola bateu na trave direita de Subasic, que apenas acompanhou o lance.

Aos oito, mais uma vez os mandantes carimbaram o poste. Após receber recuo de bola da zaga, o goleiro croata do Monaco demorou para dar o chutão. Mariano Díaz apertou a reposição e conseguiu desviar na bola antes dela viajar para o campo ofensivo, mas ela mais uma vez bateu na trave.

Depois de tanta pressão, enfim o gol do Lyon saiu. Fekir fez boa jogada pela lateral, carregou a bola até a linha de fundo e cruzou. A zaga do Monaco não afastou a bola, que sobrou livre para Mariano Díaz apenas completar para o gol e inaugurar o marcador.

Apesar de sofrer com o volume de jogo ofensivo do adversário, os visitantes chegaram ao empate pouco depois. Baldé recebeu no meio de campo e enfiou boa bola em profundidade para Rony Lopes, que ganhou na corrida contra o defensor do Lyon e tocou no canto baixo do goleiro, empatando o duelo.

Mesmo com a igualdade no placar, eram os mandantes que ditavam o ritmo da partida, tendo o controle de todas as ações no gramado. Tal domínio voltou a se confirmar com Fekir: após belíssima troca de passes no meio de campo, o jogador finalizou da marca do pênalti e voltou a colocar o Lyon à frente do marcador.

Sofrendo na mão dos donos da casa, a única arma do Monaco era apostar na eficiência de seu ataque. E foi justamente isso que aconteceu aos 33 minutos da etapa inicial. Traoré aproveitou sobra de bate e rebate dentro da grande área e acertou uma bomba no ângulo de Anthony Lopes, decretando o 2 a 2.

O jogão não decepcionou na volta do intervalo. Mantendo a qualidade do primeiro tempo, as duas equipes foram para o último período buscando a vitória, o que se refletiu no desempenho dos jogadores em campo. Nos primeiros vinte minutos da segunda etapa, o Monaco teve duas chances de conseguir a virada, com Traoré e Baldé (duas vezes), mas esbarrou na zaga dos mandantes.

Após esse período, o Lyon reencontrou o ótimo futebol da etapa inicial. Aos 21, Subasic fez uma grande defesa, já caído e no contra-pé, em finalização de Mariano Díaz. Cinco minutos depois, o dominicano cobrou falta de longe e novamente carimbou a trave.

Nos minutos finais do jogo, o Monaco teve mais duas oportunidades de alcançar a virada, mas não conseguiu balançar o fundo das redes da meta do Lyon, que chegou a anotar um gol, invalidado pela arbitragem, que assinalou impedimento.

Entretanto, foi apenas no último lance da partida que o placar chegou em seus números finais. Fekir cobrou falta com perfeição, no canto baixo de Subasic, e selou, com justiça, a vitória do Lyon. Logo após o tento, o juiz apitou pela última vez, encerrando uma grande partida de futebol no Estádio Groupama.