"Palmeiras pode igualar feito de 1999 na Libertadores", afirma Rivaldo

São Paulo, SP

15-01-2021 19:28:41

O final do mês será marcado por uma final histórica da Libertadores entre dois grandes times brasileiros: Santos e Palmeiras. Rivaldo, ex-craque da Seleção Brasileira e com passagem vitoriosa pelo Verdão, falou à Betfair.net sobre as expectativas para a final da competição e lamentou que o jogo não conte com a participação do público no Maracanã.

Para o embaixador, as semifinais com jogos de ida e volta são como se fossem um único jogo de 180 minutos. "É fundamental não começar festejando no final do jogo de ida pois ainda faltará a segunda metade. Especialmente no contexto atual, em que não temos torcida nos estádios, isso se torna ainda mais claro. Acredito que com a torcida o Palmeiras nunca teria vencido o River Plate por 3 a 0 e os argentinos não teriam ganhado de 2 a 0 em São Paulo", opinou.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

"É preciso estar ainda mais focado pois não tem o chamado 12º jogador. Qualquer coisa pode acontecer em qualquer jogo porque os times jogam sem a responsabilidade que teriam com torcida. Acabou sendo uma semifinal emocionante e, felizmente, no fim deu 3 a 2 para o Palmeiras", completou.

O ex-jogador também falou sobre a chance do Alviverde conquistar o segundo título da competição. "O Palmeiras já mostrou ter um bom time e ser muito competitivo com o técnico Abel Ferreira, dando sequência ao trabalho do Luxa. Então faltando apenas um jogo é claro que é possível igualar a conquista de 1999, porém a equipe não poderá se descuidar porque o Santos também já mostrou ao que veio", disse.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

"O Santos venceu o Boca Junior por 3 a 0 e até poderia ter ganho por mais, então, para mim será uma Final de 50-50 entre dois times que mostraram sua força para chegar nesse jogo de decisão. Não vejo o Santos fazendo barato para o Verdão, por isso vai ser certamente uma final muito difícil para o Palmeiras, que precisa estar no seu melhor para levantar o troféu da Libertadores pela segunda vez em sua história", acrescentou Rivaldo.

Uma tristeza não ter torcida em uma final brasileira no Maracanã

Por conta da pandemia, a final da Libertadores não contará com a presença de torcedores. Rivaldo lamentou a situação e destacou que, caso o cenário fosse diferente, "seria um dia memorável" para os fãs de ambos os clubes.

"Sempre é bom ter dois times brasileiros brigando pelo troféu, porém será um sentimento estranho jogar uma final de Libertadores num estádio emblemático como o Maracanã despido de torcida", declarou.

"Seria um dia memorável para os torcedores de Peixe e Porco numa partida de grande rivalidade, mas infelizmente essa pandemia continua persistindo e teremos de nos conformar em assistir pela TV", concluiu Rivaldo.

Muricy Ramalho pode ajudar muito o São Paulo

O pentacampeão mundial ainda falou sobre o retorno de Muricy Ramalho ao São Paulo. O ex-treinador será membro da diretoria do presidente Julio Casares e vai ocupar o cargo de coordenador de futebol do clube.

"Tudo parecia encaminhado para o São Paulo embolsar o título do Brasileirão em 2020, mas duas derrotas em sequência abriram novamente a competição, e o time paulista está reagindo trazendo Muricy Ramalho para coordenador do futebol. Eu penso que ele pode ajudar muito nessa fase decisiva, pois ele é um grande profissional que pode contribuir muito junto dos jogadores e equipe técnica", afirmou.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Rivaldo também ressaltou que a chegada de Muricy pode dar estabilidade ao time neste momento da temporada, mas enfatizou que a perda do título do Brasileirão seria uma grande oportunidade desperdiçada pelo Tricolor.

"O Campeonato Brasileiro voltou a ficar muito disputado com times como o Palmeiras podendo chegar muito perto do topo, com Inter e Atlético-MG bem próximos e o próprio Flamengo ainda a tempo de se reagrupar. Com cerca de nove rodadas ainda por disputar, tudo pode acontecer, então, essa novidade no São Paulo pode se revelar muito importante para dar alguma estabilidade ao time nesta fase crucial da temporada", disse o ex-jogador.

"Mas se o São Paulo deixar escapar esse título, com certeza será uma grande chance perdida para um clube que tem andado afastado dos títulos. Eles precisam focar e se doar um pouco mais para não deixar escapar esta grande oportunidade que estão tendo", finalizou o embaixador da Betfair.net.

Deixe seu comentário