Futebol Internacional/Campeonato Espanhol

Atlético de Madrid vence Granada e volta ao G4 do Espanhol

São Paulo , SP
08/02/2020 18:49:20

Em: Atlético de Madrid, Futebol, Futebol Espanhol, Futebol Internacional

O Atlético de Madrid se recolocou entre os quatro primeiros colocados do Campeonato Espanhol neste sábado. Recebendo o Granada no Wanda Metropolitano, a equipe comandada por Diego Simeone precisou de apenas seis minutos para abrir o placar e, depois disso, teve de apenas administrar a vantagem para sair de campo com a importante vitória por 1 a 0, gol de Angel Correa.

Com o resultado, o Atlético de Madrid foi a 39 pontos, assumindo a quarta colocação da tabela, atrás de Real Madrid, Barcelona e Getafe. Oscilando bastante na atual temporada, os Colchoneros terão na próxima rodada um confronto direto com o Valencia, que figura em quinto lugar e precisará de uma vitória simples na próxima sexta-feira para entrar no grupo que garante vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

O Granada, por sua vez, segue ali no meio da tabela, mais precisamente em décimo lugar, e terá como próximo compromisso no Espanhol o duelo com o Real Valladolid, clube de Ronaldo, no próximo sábado.

O jogo – O Atlético de Madrid não quis saber de perder tempo e logo aos seis minutos de jogo já abriu o placar. Angel Correa recebeu bom passe dentro da área, dominou e bateu certeiro, sem chances para o goleiro adversário, que teve de se conformar com a vantagem construída pelos Colchoneros no início da partida.

Aos 26 minutos, o time comandado por Diego Simeone até ampliou o placar no Wanda Metropolitano com Vitolo, porém, o árbitro acabou assinalando posição irregular do meia-atacante espanhol, levando a torcida à loucura.

Daí em diante, o Atlético de Madrid não conseguiu ser eficiente quando criou oportunidades de gol e teve de lidar com uma postura relativamente agressiva do Granada, que acabou recebendo alguns cartões amarelos ao tentar frear o ímpeto dos donos da casa antes de o juiz apitar o fim do primeiro tempo.

Segundo tempo

No segundo tempo, o Atlético de Madrid seguiu criando as melhores chances de gol. A primeira saiu aos dez minutos, quando Saúl Ñíguez recebeu passe por elevação dentro da área e bateu rasteiro, exigindo uma grande defesa de Aaron Escandell.

Pouco depois, Diego Simeone acabou tirando o lateral-esquerdo brasileiro Renan Lodi para a entrada de Carrasco, acionando Saúl para exercer o papel de Lodi, mas as mudanças não surtiram muito efeito. O Atlético de Madrid continuou tendo dificuldade para ampliar o placar e chegou a ver os rivais ameaçarem empatar o jogo.

Aos 28 minutos, Soldado foi acionado dentro da área e bateu em direção ao gol, mas faltou força ao jogador do Granada, que viu Jan Oblak fazer defesa segura para assegurar a vitória da sua equipe no Campeonato Espanhol e retomar a vaga na zona de classificação para a Liga dos Campeões.

Ads – Rodapé Posts