Futebol/Campeonato Inglês

Com Leno fechando o gol, Arsenal bate United e sobe para quarta posição

São Paulo , SP
10/03/2019 15:26:30 — 10/03/2019 15:27:34

Em: Arsenal, Futebol Inglês, Manchester United, Notícias

Uma partida digna de decisão no Emirates Stadium. O Arsenal recebeu o Manchester United no último jogo da 30ª rodada do Campeonato Inglês e venceu com um sonoro 2 a 0, pulando para a quarta posição da tabela e colando no Tottenham, que perdeu no final de semana e estacionou nos 61 pontos.

Agora, os Gunners entraram de vez na briga por uma vaga na próxima Liga dos Campeões e vão embalados para o duelo de volta das oitavas de final da Liga Europa contra o Rennes, no meio da semana, precisando reverter os 3 a 1 sofridos. Além disso, o clube ostenta mais uma partida sem perder em casa: venceu oito das nove últimas.

Os Red Devils, por outro lado, vêm de uma histórica classificação na Liga dos Campeões em cima do PSG, mas, mesmo tentando muito, não conseguiram reverter o placar neste domingo, com jogo iniciado às 13h30. Esta foi a primeira derrota de Solskjaer na Premier League desde que assumiu, em dezembro passado.

Os 45 minutos iniciais foram de pressão de ambos os lados, com boas chances do United abrir o placar, principalmente com Lukaku, mas foi Xhaka quem chutou de longe e enganou De Gea com uma curva traiçoeira na bola e deixou os donos da casa em vantagem. Na segunda etapa, o duelo entre o belga e o goleiro Leno seguiu, e quem se deu melhor foi o arqueiro, que impediu o gol do empate em algumas oportunidades. Para fechar, Lacazette sofreu pênalti e Aubameyang, agora com 17 na Premier League, converteu, sepultando qualquer chance de virada dos visitantes.

Com o resultado, o Arsenal atinge os 60 pontos, ultrapassando o United, agora em quinto (58), e colando no Tottenham (61). Na próxima rodada, os Diabos Vermelhos enfrentam o Watford dentro de casa, no dia 30 de março, mas antes têm um compromisso pelas quartas de final da Copa da Inglaterra, quando enfrentará os Wolves, dia 16, no Molineux Stadium. Já o Arsenal terá o duro desafio de reverter o placar de 3 a 1 contra o Rennes, pela Liga Europa, no dia 14 de março, em casa.

O jogo

Um duelo à parte: Lukaku vs. Leno (Foto: Ian Kington/AFP)

Primeiro tempo

Com cara de decisão, a partida iniciou melhor para os donos da casa, que não deixavam os Red Devils partir para o ataque. A primeira chance surgiu logo aos dois minutos com Lacazette, que recebeu bola cruzada na área e chutou para fora com certo perigo. A resposta veio antes dos dez minutos, mais incisiva, com Lukaku acertando a trave de Leno. A bola ainda ficou viva na área, mas a defesa afastou.

Fazendo jus ao ótimo início de jogo, o Arsenal abriu o placar aos 11 minutos. Em jogada pela direita, Lacazette deu passe para Xhaka chutar de longa distância e estufar as redes de De Gea, que nada pôde fazer a não ser lamentar a curva traiçoeira que não o deixou chegar a tempo para defender. 1 a 0. O tento não intimidou o United, que foi pra cima quando pôde, aos 18 minutos, com chute rasteiro de Fred, que bateu na trave antes de sair pela linha de fundo.

A pressão do United seguiu forte, mas o duelo seguiu equilibrado, tanto em posse de bola quanto em perigo de gol. Aos 35 minutos, lance perigoso para os visitantes: Lukaku, bem no jogo, recebeu no meio, foi para o lado esquerdo e chutou, mas Leno levou a melhor e nem no rebote o belga conseguiu finalizar. Nova oportunidade surgiu no fim do primeiro tempo, em contra-ataque pela direita e cruzamento para o meio, mas Rashford chutou em cima de Xhaka; ambos precisaram ser atendidos e saíram mancando.

Segundo tempo

O tempo complementar começou como terminou o primeiro: quente. Os Red Devils chegaram mais uma vez com Lukaku, que recebeu na área de Rashford e só faltava chutar para o gol, mas Leno evitou mais uma vez o empate. Aos 13 minutos, cobrança de falta na entrada da área, mas Rashford bateu muito forte e ela foi à esquerda da trave.

O ritmo permaneceu forte, com mais posse de bola do United e chances de gol, como aos 19 minutos, com Rashford – Leno novamente precisou trabalhar para defender sua meta. O Arsenal seguia com apenas um chute a gol no segundo tempo, mas em um lance, o panorama se confirmou: Lacazette caiu na área ao trombar com Fred e o juiz marcou pênalti, convertido por Aubameyang, que chegou aos 17 gols. 2 a 0. Embalados pelo segundo gol, os Gunners foram pra cima com Lacazette, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Depois de algum tempo sem atacar, o Manchester United tentou já nos acréscimos, com Rashford, mas a bola novamente ficou com o goleiro.

Confira todos os resultados desta rodada da Premier League, respeitando os horários de Brasília:

Sábado
09h30 – Crystal Palace 1 x 2 Brighton
12h – Cardiff 2 x 0 West Ham
12h – Huddersfield 0 x 2 Bournemouth
12h – Leicester 3 x 1 Fulham
12h – Newcastle 3 x 2 Everton
12h – Southampton 2 x 1 Tottenham 
14h30 – Manchester City 3 x 1 Watford
Domingo
9h – Liverpool 4 x 2 Burnley 
11h05 – Chelsea 1 x 1 Wolves