Aubameyang faz dois e garante vitória do Arsenal sobre o Burnley

São Paulo , SP
22/12/2018 12:23:09

Em: Arsenal, Futebol, Futebol Inglês, Futebol Internacional

Neste sábado, o Arsenal recebeu o Burnley em confronto válido pela 18ª rodada do Campeonato Inglês. No Emirates Stadium, em Londres, os donos da casa confirmaram o favoritismo e levaram a melhor, vencendo por 3 a 1. Os gols foram anotados pelo atacante Aubameyang (duas vezes), artilheiro isolado da competição com 12 tentos, e Iwobi. Barnes diminuiu.

Com o resultado, os comandados de Unai Emery se mantêm na quinta colocação, com 37 pontos ganhos, 11 atrás do líder Liverpool. Os Clarets, por outro lado, seguem na zona do rebaixamento, com 12 somados, no momento os mesmos do Southampton, primeiro fora do Z3.

A rodada seguinte, a última do primeiro turno, está marcada para o próximo meio de semana e ambas as equipes entram em campo na quarta-feira. Os Gunners visitam o Brighton, fora de casa, enquanto o Burnley, em seus domínios, recebe o Everton.

Aubameyang lidera a artilharia da Premier League com 11 gols feitos (Foto: Ian KINGTON / AFP)

Boas-vindas do artilheiro

Logo aos dois minutos, o Burnley se lançou à frente e por pouco não abriu o placar com um gol relâmpago. Westwood recebeu em profundidade e saiu na cara de Leno. No entanto, o meia tirou demais e viu a bola raspar a trave esquerda.

Mesmo com o susto, o Arsenal fez valer o mando de campo no início da partida e partiu para cima. A pressão no campo de ataque era grande e o primeiro gol do jogo não demorou a sair.

Rondando a área dos visitantes, com 13 rodados, os Gunners trabalharam bem a bola pelo lado direito até ela chegar nos pés de Ozil, na entrada da área. O alemão viu Kolasinac infiltrar na área pela esquerda e deu um belo passe em profundidade. De primeira, o bósnio tocou para trás e Aubameyang, livre, completou para a rede.

Mesmo sem criar grandes lances de perigo, o Arsenal permaneceu em seu campo de ataque, sem deixar o Burnley jogar.

Antes do intervalo, Lacazette teve a chance de aumentar a vantagem do time da casa. O francês recebeu na entrada da área, passou pelo primeiro defensor, mas desistiu de bater para o gol quando teve a chance e acabou desarmado em cima da hora.

De novo ele

Já na etapa final, o Burnley não teve tempo nem de respirar. Aos dois minutos, o Arsenal partiu em contra-ataque rápido, Kolasinac arrancou pela esquerda e serviu Lacazette pelo meio. O francês dominou, quebrou o pescoço e viu Aubameyang livre na direita. O artilheiro recebeu, encarou a marcação e soltou uma bomba com a perna direita para ampliar a contagem: 2 a 0.

Aos 17 minutos, porém, um vacilo dos Gunners devolveu emoção ao jogo. Em cobrança de falta pela direita, o Burnley levantou a bola na área, a zaga não conseguiu afastar, a bola ficou viva e acabou sobrando limpa para Barnes estufar a rede, diminuindo a vantagem.

Com o gol, os visitantes até equilibraram a partida, mas não conseguiram reunir forças para chegar ao empate. Com isso, os donos da casa aproveitaram para sacramentar o triunfo, já nos acréscimos do jogo. Após ótima jogada individual, Ozil invadiu a área e bateu prensado. Oportunista, Iwobi aproveitou a sobra e só completou: 3 a 1.