Futebol/Copa São Paulo de Juniores

Santos supera Babaçu de virada e conquista primeira vitória

GazetaEsportiva.net - Lins, SP -
06/01/2015 22:54:00

Em: Campeonatos, Copa São Paulo de Juniores, Futebol, Região Nordeste, Região Sudeste, Santos

O Santos sofreu muito, mas conseguiu triunfar pela primeira vez no Grupo D da Copa São Paulo de Juniores nesta terça-feira. O time do litoral paulista superou de virada o Babaçu-MA por 4 a 2, no Estádio Gilberto Siqueira Lopes, em Lins. Mesmo jogando com 10 jogadores desde o primeiro tempo, o time maranhense impôs muita dificuldade ao clube da Vila Belmiro.

Os gols da vitória santista foram marcados por Sabino, Lucas Veríssimo, Serginho e Nathan. O Babaçu descontou com Wanderson e Felipe.

Com a vitória, o Santos é o líder do Grupo D, com quatro pontos, mesma pontuação do Penapolense, que perde a ponta da chave pelos critérios de desempate. O Linense é o terceiro, com três unidades. Ainda sem pontuar e impossibilitado de avançar à próxima fase, o Babaçu é o lanterna.

Na última rodada da fase de grupos, o Santos enfrenta o anfitrião Linense, na sexta-feira, às 16 horas (de Brasília). No mesmo dia, Penapolense e Babaçu duelam às 14 horas.

O jogo – O Santos tentou se impor logo nos primeiros minutos do duelo disputado em Lins. O clube da Baixada Santista tinha mais posse de bola que o Babaçu, mas pouco arriscou.

A equipe do Babaçu surpreendeu o Santos aos 15 minutos. Wanderson driblou o defensor Sabino e chutou de fora da área. A bola passou rente à trave e assustou o goleiro João Paulo.

Os Meninos da Vila insistiram e ficaram próximo de inaugurar o placar aos 22 minutos, quando Claudinho ficou cara a cara com o goleiro Joanderson. O atleta tentou encobrir o guarda-meta, mas o atleta do Babaçu conseguiu espalmar a bola para fora.

Ainda no primeiro tempo o Babaçu ficou com 10 jogadores. Aos 25 minutos, Kaikson foi expulso após uma entrada dura em cima de Patrick.

Mesmo com a inferioridade numérica, os maranhenses marcaram o primeiro gol do duelo. Aos 32 minutos, Wanderson recebeu um lindo passe por trás da zaga e chutou de primeira, não dando chances para o goleiro João Paulo defender o remate.

Após o gol sofrido, o time do Santos passou a pressionar o Babaçu. O gol não demorou em sair. Com 40 minutos de bola rolando, Fernando Medeiros cobrou escanteio e encontrou Sabino, que pulou mais alto que os defensores para marcar o primeiro dos paulistas.

A virada foi relâmpago. Um minuto após o primeiro tento, o Santos fez o segundo. Novamente em uma bola parada de Fernando Medeiros, desta vez uma falta, a bola viajou pela área e Lucas Veríssimo desviou de cabeça para marcar o 2 a 0 do time da Vila Belmiro.

No segundo tempo, o Santos assumiu o protagonismo no início, buscando aproveitar a vantagem numérica e definir o marcador rapidamente. Com seis minutos, Matheus Augusto desperdiçou uma grande chance cara a cara com o goleiro Joanderson.

O gol santista na segunda etapa demorou 13 minutos para sair. Caio bateu colocado e acertou o travessão do goleiro Joanderson. No rebote, a bola sobrou para Serginho, que chutou forte para fazer o terceiro da equipe do litoral paulista.

O time maranhense mostrou que não estava morto na partida. Aos 30 minutos, Felipe cobrou falta no canto direito, o goleiro João Paulo falhou e aceitou o remate, deixando o Babaçu fazer o segundo gol no duelo e se manter vivo no embate.

Perto do final da partida, o Santos definiu sua vitória. Aos 41 minutos, Nathan arriscou de longe e encobriu o goleiro Joanderson, marcando um golaço e dando números finais ao confronto.