Marília vira sobre o Botafogo-SP, mantém 100% e se isola na liderança do Grupo 1 da Copa Paulista

São Paulo, SP

02/08/22 | 21:01 - 02/08/22 | 22:00

Pela 5ª rodada do Grupo 1 da Copa Paulista, o Marília recebeu o Botafogo-SP, no Estádio Municipal Bento de Abreu, em Marília (SP), e venceu por 3 a 1. Os gols da partida da noite desta segunda-feira foram marcados por Nicholas, para os visitantes, e Lucas Serafini, Marlon e Victor Souza, para os donos da casa.

Assim, a equipe mandante chega aos 12 pontos em quatro jogos, mantém o 100% de aproveitamento na competição e se isola na liderança da chave. Logo atrás, na segunda colocação, o time de Ribeirão Preto perdeu a invencibilidade no torneio e, agora também com quatro partidas, continua com nove pontos - cinco a mais que o Comercial-SP, que já jogou na rodada.

Portanto, pela próxima jornada - a primeira do returno -, o Marília faz o clássico contra o Noroeste novamente em casa, às 19 horas (de Brasília) de terça-feira. Por sua vez, o Botafogo-SP folga e não entra em campo na rodada. No entanto, tem compromisso fora de casa pela Série C, contra o Atlético-CE, no sábado, a partir das 15 horas.

O duelo entre Marília e Botafogo-SP

Jogando em casa, o Marília foi quem tomou conta das principais ações da partida no primeiro tempo. Entretanto, foi o Botafogo-SP que teve a primeira grande chance. Aos 24 minutos, João Lucas cobrou escanteio com perigo, mas ninguém conseguiu o desvio e a bola passou à direita do gol de Barbato.

Aos 30, o Marília respondeu. O atacante Madalena dominou na esquerda, conduziu para o meio e encontrou Matheus Silva na ponta direita da área. O camisa 8 chegou finalizando de primeira e obrigou boa defesa de Rafael Pascoal.

Na volta do intervalo, as equipes decidiram mudar a postura e se arriscaram mais em busca da vitória. Portanto, logo aos quatro minutos da etapa complementar, Nicholas recebeu na esquerda, tabelou com Luketa, invadiu área e bateu rasteiro com a perna esquerda, passando por baixo das pernas de Barbato para abrir o placar.

No lance seguinte, praticamente, o Marília conseguiu o tento de empate. Matheus Silva ganhou dividida no meio e cruzou rasteiro na área para o centroavante Bosco chegar finalizando de primeira. Entretanto, o assistente assinalou impedimento do camisa nove na jogada e anulou o gol dos mandantes.

A equipe do Marília teve mais uma grande chance de empatar aos 18 minutos. Bosco recebeu cruzamento na área e se adiantou à marcação de Kevin Saucedo, que o derrubou. Assim, o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Murilo chutou no canto direito rasteiro de Rafael Pascoal. No entanto, o goleiro acertou o pulo e fez a defesa, impedindo a igualdade no placar.

Mandantes viram na segunda etapa

Entretanto, o empate dos mandantes finalmente aconteceu seis minutos mais tarde. Após cobrança de lateral na grande área, a defesa do Botafogo-SP afastou mal e a bola ficou viva. Então, Lucas Serafini chegou batendo de primeira, com estilo, e fez o 1 a 1.

Na reta final do jogo, aos 34 minutos da segunda etapa, o Marília, que vinha melhor na partida, virou. Após cruzamento de Lucas Serafini em cobrança de falta da esquerda, a bola ficou viva e o zagueiro Marlon mandou de bicicleta, marcando um golaço para fazer o 2 a 1.

Por fim, a recuperação do Botafogo-SP ficou bem mais complicada. Isso porque João Costa acertou Madalena com o cotovelo em disputa no círculo central e foi expulso direto. Assim, os visitantes ficaram com dez em campo.

Após um tempo de parasilação para o atendimento de um torcedor que passou mal na arquibancada, a partida voltou aos 55 minutos e ainda deu tempo do Marília fazer mais um. Lucas Serafini foi novamente para a bola em cobrança de escanteio, Orlando Jr. desviou no primeiro poste e a bola sobrou para Victor Souza, que apenas empurrou para o fundo do gol.

Deixe seu comentário