Falcao realiza “sonho de criança” com primeiro gol em Copas do Mundo

São Paulo, SP

24-06-2018 18:35:15

Falcao Garcia chegou à Arena Kazán, na Rússia, para o segundo e decisivo jogo da Colômbia na Copa do Mundo com muita pressão sobre seus ombros. Desde o 7 de abril o camisa 9 não marcava um gol. Já era seis jogos ao todo, três pelo Mônaco, seu clube na França, e outros três pela seleção de seu país.

Não havia noite mais perfeita que a desse domingo para mudar todo esse cenário. Com o estádio cheio de compatriotas nas arquibancadas, Falcao Garcia findou seu jejum particular e, enfim, pôde comemorar um gol em Copa do Mundo. Aos 32 anos, o capitão da equipe sul-americana chegou ao 30º tento pela seleção, mas esse foi apenas o primeiro em Mundias. Inevitavelmente, um gosto especial, corado com a vitória por 3 a 0 em cima da Polônia

“Um sonho desde criança. Estou muito feliz pela vitória, pelo comportamento da equipe, de todos os jogadores, e obviamente pelo gol que eu fiz. Eu vinha esperando por isso há muitos anos”, comentou o jogador, que já sofria com os pedidos por Borja justamente em seu lugar entre os titulares.


“É impressionante, mas temos jogadores que podem desequilibrar, como fez o James (Rodríguez). Hoje vamos embora felizes, porque mostramos que somos uma equipe capaz, que produz futebol junto e contundente”, avaliou, com um recado final aos torcedores. “Aproveitem muito hoje”.

Quem também saiu de campo rindo à toa foi Juan Cuadrado, autor do terceiro e último gol da Colômbia na vitória contundente em cima dos poloneses pelo grupo H da Copa do Mundo.

“Estou muito agradecido, o momento difícil serviu para nos unir. Realmente, com o talento que Deus nos deu, conseguimos levar a partida e agora é seguir à frente com a Colômbia”, avisou o jogador da Juventus, empolgado não só com sua atuação individual.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

“Estou muito feliz com isso, é o sonho de todo jogador, estar em um evento como esse e conseguir fazer gol, ajudar a equipe e alcançar o resultado. Não sou só eu, claro. Nenhum de nós nunca vai ser mais forte do que a equipe”, concluiu.

Agora com três pontos, a Colômbia joga a vida na próxima quinta, às 11h (horário de Brasília), diante de Senegal, que tem um ponto a mais e, por isso, terá a vantagem do empate para ir às oitavas de final da Copa do Mundo. O Japão, também com quatro pontos, pegará a eliminada Colômbia na terceira e última rodada da primeira fase.

Deixe seu comentário