Brasileiro Série B

Estádio Moisés Lucarelli | 08/07/2018

Futebol/Brasileiro Série B

No reencontro com a torcida, Ponte Preta bate Fortaleza de Ceni

São Paulo , SP
08/07/2018 19:55:31 — 08/07/2018 19:58:43

Em: Brasileiro Série B, Fortaleza, Futebol, Ponte Preta

Neste sábado, a Ponte Preta venceu o Fortaleza por 2 a 0, pela 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Os gols da partida foram anotados por Roger Carvalho, contra, e André Luís. A partida marcou o retorno dos torcedores ao Estádio Moisés Lucarelli. Após a derrota por 3 a 2 para o Vitória, que sacramentou o rebaixamento no ano passado, o clube sofreu uma punição com seis jogos de portões fechados.

Após ótimo primeiro tempo, a Ponte aproveitou os erros da equipe comandada por Rogério Ceni, e conseguiu a vantagem. No segundo tempo, optou por se defender, e segurou o ímpeto do Tricolor do Pici

Com a vitória, a Ponte Preta chega aos 21 pontos, está na oitava colocação, e conquistou a segunda vitória seguida. Já o Fortaleza se mantém na liderança, mas conheceu a terceira derrota nos últimos cinco jogos. Os comandados de Ceni somam 29 pontos, quatro de vantagem em relação ao CSA, vice-líder.

As duas equipes voltarão aos gramados no próximo sábado. O clube campineiro pega o São Bento, em Sorocaba. Já o time cearense, recebe o Atlético-GO, na Arena Castelão às 16h00 (horário de Brasília).

Ponte venceu o Fortaleza e alcançou segunda vitória seguida (Foto: Bruno Oliveira/Fortaleza EC)

O jogo – Animada com a volta do apoio da torcida, a Ponte teve a primeira grande oportunidade do jogo. Júnior Santos fez jogada pela direita e rolou para Igor, que mandou uma bomba. Marcelo Boeck espalmou, e salvou o Fortaleza.

Aos nove minutos do primeiro tempo, a Macaca saiu na frente. Em lançamento, Roger Carvalho foi recuar de cabeça para o goleiro Marcelo Boeck, que estava adiantado, mas mandou para o próprio gol. Uma lambança em Campinas, e 1 a 0 no placar.

Minutos depois, o time comandado por Rogério Ceni respondeu. Em bola cruzada na área, o goleiro Ivan cortou mal. No entanto, na sobra, Derley pegou mal e isolou.

Aos poucos, a partida passou a ficar equilibrada. O Tricolor do Pici teve boa chance, após Marlon finalizar e Ivan defender. Na sobra, a zaga adversária fez o corte. A Macaca respondeu com André Luís, mas Marcelo Boeck interviu mais uma vez a favor do Fortaleza.

Aos 38 minutos, a Ponte Preta ampliou o marcador. Em mais uma saída de bola errada, André Luís recebeu e tocou na saída de Marcelo Boeck para ampliar: 2 a 0. Até o final do primeiro tempo, o time segurou bem e foi com a boa vantagem para o intervalo.

Nos primeiros minutos da etapa complementar, a equipe de Rogério Ceni tentou pressionar. Apesar de ter a posse de bola, o time sofria constantemente com os contra-ataques do adversário, e não conseguia criar chances para pelo menos descontar.

A tônica da partida seguia a mesma. O Leão tentava criar, mas esbarrava na excelente marcação dos comandados de João Brigatti. O time de Campinas seguia sendo mais perigoso em algumas oportunidades, quando conseguiam escapar no contragolpe.

A Macaca seguia melhor durante o jogo, criando as principais chances. O Fortaleza, não mostrou evolução no segundo tempo. Tanto que o goleiro, Marcelo Boeck salvava o time, quando a Ponte atacava. Assim, o placar não se alterou. Vitória justa por 2 a 0.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 2 X 0 FORTALEZA

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 8 de julho de 2018, domingo
Horário: 18h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior (PR)
Assistentes: Paulo Martinelli Christino (GO) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)
Público: 8.445 pagantes
Renda:
R$ 72,280
Cartões Amarelos:
Nathan (Ponte Preta); Diego Jussani, Ligger, Bruno Melo e Wallace (Fortaleza)
Cartões Vermelhos: –
Gols:
PONTE PRETA:
Roger Carvalho contra aos 9 e André Luís aos 38 minutos do primeiro tempo.

PONTE PRETA: Ivan; Igor Vinícius, Léo Santos, Renan Fonseca, Ruan; Nathan, João Vitor (André Castro), Danilo Barcellos, Tiago Real; André Luis (Orinho) e Júnior Santos (Neto Costa).
Técnico: João Brigatti

FORTALEZA: Marcelo Boeck; Pablo, Ligger (Wesley), Diego Jussani, Roger Carvalho, Bruno Melo; Derley, Felipe, Marlon (Wallace), Dodô (Romarinho); Wilson.
Técnico: Rogério Ceni