Por paz, Santos e São Paulo desembarcam juntos no Pacaembu

José Victor Ligero - São Paulo,SP

26-06-2016 15:42:00

Cerca de uma hora antes do duelo válido pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, Santos e São Paulo desembarcaram do mesmo ônibus no Pacaembu, palco do 300º San-São da história. Além dos presidentes Modesto Roma Júnior e Carlos Augusto de Barros e Silva, jogadores e técnicos de ambas as equipes se encontraram em um estacionamento próximo ao CT do Tricolor, na Zona Oeste da capital, e compartilharam o veículo em uma ação para promover o “Clássico da Paz”. A bola rola no estádio municipal a partir das 16 horas (de Brasília) deste domingo.

Apesar da iniciativa, o Ministério Público de São Paulo não acatou o pedido dos dois clubes e o Pacaembu receberá apenas torcedores santistas, já que o Peixe é o mandante do confronto.

“Não tem coisa mais bonita do que um jogo bem jogado e uma torcida gritando de um lado, e outra do outro. Quando acaba o jogo, cada um vai para sua casa, são seres humanos. Quando o torcedor entender isso, as coisas vão mudar no futebol brasileiro. Acho extremamente triste uma situação dessa. Um clássico de torcida única”, lamentou o volante tricolor Hudson, que voltou a ser relacionado por Edgardo Bauza após se recuperar de lesão na coxa esquerda.

A medida passou a valer após as brigas envolvendo torcidas organizadas de Palmeiras e Corinthians no dia 3 de abril, quando um homem, que não fazia parte de nenhum dos grupos, acabou morto vítima de um tiro. O ocorrido aconteceu em três lugares diferentes da cidade e horas antes do Derby pelo Campeonato Paulista.

Desde então, os estádios que recebem os clássicos paulistas passaram a ser ocupados apenas pela torcida do time mandante. Foi assim no Santos x Palmeiras, pelas semifinais do Paulistão, no São Paulo x Palmeiras, no Corinthians x Santos, e no Palmeiras x Corinthians, pelo Brasileiro.

O Santos aparece na sexta colocação do torneio nacional, com 16 pontos, apenas um a mais que o São Paulo, oitavo colocado. Uma vitória deixa ambas as equipes com possibilidades de entrar no G4 da competição.

Deixe seu comentário