Gazeta Esportiva |

Seleção Brasileira atropela Honduras e alcança a sua quarta decisão olímpica

Em Futebol, Futebol - Olimpíadas, Olimpíadas 2016, Seleção Brasileira
Atualizado em 17/08/2016 - 19:53:10 Compartilhe
São Paulo , SP

A mesma Seleção Brasileira contestada em suas duas primeiras partidas nas Olimpíadas do Rio de Janeiro – frustrantes empates por 0 a 0 com África do Sul e Iraque – foi ovacionada pelo público do Maracanã no início da tarde desta quarta-feira. Não era para menos. A equipe comandada por Rogério Micale não tomou conhecimento de Honduras, construiu uma vitória por 6 a 0, com gols de Neymar (2), Gabriel Jesus (2), Marquinhos e Luan, e chegou à sonhada decisão.

Será a quarta final de um torneio olímpico de futebol masculino que o Brasil, ainda em busca da inédita medalha de ouro, disputará. Antes, o País foi derrotado em decisões pelo México em Londres 2012, pela União Soviética em Seul 1988 e para a França em Los Angeles 1984. Além dessas pratas, houve dois bronzes na história nacional, em Pequim 2008 e em Atlanta 1996.

O adversário da Seleção Brasileira será a Alemanha, que venceu a Nigéria por 2 a 0 em duelo em Itaquera. No último jogo entre brasileiros e alemães, a Seleção sofreu a história goleada por 7 a 1, na Copa do Mundo de 2014.  A grande final dos Jogos Olímpicos ocorrerá neste sábado, no Maracanã, às 17h30 (de Brasília). No mesmo dia, mas às 13 horas (de Brasília), Honduras jogará pelo bronze contra a Nigéria, no Mineirão.

O jogo – O Brasil não deu tempo para surgirem sinais de desconfiança no Maracanã. Enquanto muitos torcedores ainda se acomodavam nas arquibancadas, Neymar já pressionava a saída de Honduras, forçando o erro de Palacios. O atacante do Barcelona ficou livre na área adversária, dividiu com o goleiro López e viu a bola entrar aos 14 segundos de partida.

Antes criticado, Gabriel Jesus marcou dois gols no primeiro tempo (foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)
Antes criticado, Gabriel Jesus marcou dois gols no primeiro tempo (foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)

A única preocupação que a Seleção Brasileira encontrou no primeiro tempo, a partir de então, foi o fato de Neymar ter se machucado na disputa com López. Recuperado em pouco tempo, o astro logo chamou a atenção dos marcadores hondurenhos, que o perseguiam com violência – embora ele valorizasse bastante cada queda no gramado, como costuma fazer.

Sem conseguir incomodar a defesa brasileira, o técnico colombiano Jorge Luis Pinto e os seus jogadores voltaram as suas críticas à arbitragem do romeno Oividiu Alin. O Brasil não se importava com as queixas. Nem a torcida, que festejava o bom momento do futebol nacional, raro nos últimos anos, com gritos empolgados de “o campeão voltou”.

Veja também: Torcida pede revanche com Alemanha, mas Seleção promete focar no ouro

Haveria mais para celebrar ainda na etapa inicial. Aos 25 minutos, Luan recebeu a bola de Gabriel e achou Gabriel Jesus nas costas da defesa hondurenha, do lado esquerdo. O atacante que o Palmeiras vendeu ao Manchester City correu e completou com categoria na saída de López para ampliar o placar.

A jogada de Gabriel Jesus trouxe tranquilidade não apenas para a Seleção, contestada no início da sua campanha nos Jogos Olímpicos, mas para o próprio atleta, um dos mais criticados no período de turbulência. Foi dele também o terceiro gol. Aos 34, com assistência de Neymar, voltou a avançar pela esquerda e concluir diante de López. Desta vez, mandou para o alto da meta.

Luan foi parar dentro do gol ao deixar a sua marca na semifinal dos Jogos (foto: Odd Andersen/AFP
Luan foi parar dentro do gol ao deixar a sua marca na semifinal dos Jogos (foto: Odd Andersen/AFP)

Parecia claro que, naquele instante, o Brasil já tinha uma medalha olímpica assegurada no Rio de Janeiro. Eufórico, o público vislumbrava a premiação dourada – e tinha até uma seleção predileta para a conquista da prata. “Ô, Alemanha, pode esperar! A sua hora vai chegar!”, berravam os torcedores, ainda sem saber o resultado da semifinais entre os alemães e a Nigéria, em São Paulo.

Com esse ambiente, a Seleção Brasileira foi e voltou serena do vestiário do Maracanã para jogar o segundo tempo. E rapidamente transformou o marcador parcial de vitória em goleada. Aos cinco minutos, Neymar cobrou escanteio da esquerda, e a bola parou nos pés de Marquinhos. O zagueiro teve dificuldades no domínio, mas estufou a rede na finalização.

Bastante satisfeito com a atuação brasileira, o técnico Rogério Micale pôde se dar ao luxo de projetar a decisão olímpica em suas alterações. O primeiro a sair foi Rodrigo Caio, que já tinha um cartão amarelo, para a entrada de Luan Garcia. Depois, o ovacionado Gabriel Jesus acabou substituído por Felipe Anderson.

Àquela altura, a torcida já havia feito o Maracanã se assemelhar à arena de vôlei de praia montada em Copacabana, com um repertório vasto para a sua cantoria. Honduras enfim se lançava ao ataque, desesperadamente, na esperança de encaixar uma boa investida e abalar a vibração do público no Rio de Janeiro.

O avanço de Honduras só abriu mais espaços para a Seleção Brasileira. Envolvente, com rápida troca de passes e triangulações, o time de Rogério Micale voltou à carga aos 33 minutos e, depois de um cruzamento rasteiro da esquerda, Luan empurrou para o gol aberto e comemorou o quinto gol – enquanto o público já pedia o sétimo, lembrando a contundente goleada alemã do último Mundial.

Não foi possível fazer sete gols. Por pouco. Já nos acréscimos, Luan foi derrubado por Palacios dentro da área, e o árbitro não hesitou em assinalar o pênalti. Neymar se apresentou para a cobrança, deslocou López e fechou a contagem em 6 a 0.

Caçado pelos hondurenhos, Neymar assustou em cobranças de falta e fez dois gols (foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)
Caçado pelos hondurenhos, Neymar assustou em cobranças de falta e fez dois gols (foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)

FICHA TÉCNICA
BRASIL 6 X 0 HONDURAS

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 17 de agosto de 2016, quarta-feira
Horário: 13 horas (de Brasília)
Árbitro: Ovidiu Alin Hategan (ROM)
Assistentes: Octavian Sovre (ROM) e Sebastian Eguren Gheorghe (ROM)
Cartões amarelos: Rodrigo Caio (Brasil); Acosta, Vargas, Palacios e Espinal (Honduras)
Gols: BRASIL: Neymar, aos 14 segundos, e Gabriel Jesus, aos 25 e aos 34 minutos do primeiro tempo; Marquinhos, aos 5, Luan, aos 33, e Neymar, aos 46 minutos do segundo tempo

BRASIL: Weverton; Zeca, Marquinhos, Rodrigo Caio (Luan Garcia) e Douglas Santos; Walace, Renato Augusto (Rafinha) e Luan; Gabriel, Neymar e Gabriel Jesus (Felipe Anderson)
Técnico: Rogério Micale

HONDURAS: López; Paz, Palacios e Vargas; Pereira, Espinal, Acosta (Banegas) e García; Elis, Quioto e Lozano
Técnico: Jorge Luis Pinto

Comente

  • SANTISTA10

    Calma ai gente de vagar com a andor porque o santo é de barro ja diziam os mais antigos!!!! Com todo respeito a Honduras, mas honestamente falando o que ela representa dentro do cenário futebolístico? Lhes digo: N.A.D.A. … Honduras ñ representa nada, quero ver meter 6 a 0 na Alemanha, na Nigeria, em los hermanos Argentinos … vamos ver, vamos ver. Eu creio que tem um bom time com um ataque flutuante, leve e muito técnico e que sabem fazer gols e isso é fato, agora queria sinceramente pegar a Alemanha. Abraços.

    • evangelista william sergio

      da pEixAriA ex fã do peYdar ? AnOTA ae o mEU pALpiTE prA finAL OLÍmpicA
      BrASiL 4 x 0 ALEmAnhA fOrA o bAiLE no mArAcA vELhO de gUErrA

  • Marcos Aurelio

    pode nao ser muito, mas tambem nao é pouco: essa mesma honduras eliminou a argentina…

  • Nostradamus

    O Problema não foi ganhar de 6 da pobre Honduras, o problema é aguentar esses malas de jogadores que se acham os maiorais. Tem que tomar uma boa coça.

    Bando de filh0s das [email protected] arrogantes. Se não fossem jogadores de futebol seriam tudo Bandido e ladrão.

    E VIVA O BRASIL SIL SIL DOS 7X1

    • Ruy de Oliveira

      Calma camarada,não vale a pena esquentar por que esses mercenários, ganharam da pobre Honduras,que eliminaram a Argentina por um descuido de Los hermanos,Quero ver eles fazerem algo assim contra a Alemanha (7×1) Neymar e cia vão se borrar

      • Realista na terra de ninguém

        essa alemanha é só a bandeira .. não tem um se quer jogador acima da media .. não da pra torcer kkkkkkkkk

        • evangelista william sergio

          gaYvota zé niNgUÉm
          o BrASiL TEm a vEr cOm IssO ? AnOTA ae o mEU pALpiTE prA finAL OLÍmpicA
          BrASiL 4 x 0 ALEmAnhA fOrA o bAiLE no mArAcA vELhO de gUErrA

    • mariof1

      caras, como voces sao negativos, tire suas frustracoes neste polticos ladroes e pelo menos vamos apoiar a selecao. Se eles estao ganhando muito nao foi granas roubadas do publico como este safados, canalhas politicos do Brasil.

      • Realista na terra de ninguém

        a seleção e a midiaa são as 2 armas do governo corruptoo por isso a maioria os enojaa 🙂

    • evangelista william sergio

      nOsTrA
      LArgA mAO de INvEjAr o peYdar & CIA LTDA rUmO ao OUrO InÉdiTO
      no mArAcA vELhO de gUErrA qUAsE nAO TEm prA niNgUÉm ATÉ 2013 AnTEs dOs 3 a 0
      nAs SpAin fOrAm 104 pArTidAs 74 ViTÓriAs do BrASiL 23 EmpATEs e sOmEnTE 7 dErrOTAs

      • mariof1

        evangelista, vai cagar deitado, voce so escreve fezes

        • evangelista william sergio

          mAriO bObOi0LA nAO me jULgUE pOr si pLeAsE eu nAO sOU da sUA LAiA
          e pOdE de ir “sOrTA” a rAbiOLA ATrÁs do AmAriO…
          rELAxA e g0zA ViU mAriO ATrÁs do ArmAriO ?

          • evangelista william sergio

            obs.
            pArA o Marcos Rogério Cabral
            gaYvota cEnTEnAdA ATÉ 2012 e 100 niNhO ATé 14
            vAi dAr 1/2 hOrA de bu-na-da no mOTeL da bArrA vAi
            bOm TrOcA-TrOcA ViU gaYvota cAbrAL rETArdA mEnTAL ?

        • evangelista william sergio

          mAriO vAi a miErdA AnTEs qUE eu me EsqUEçA eu nAO sOU da sUA LAiA…
          e pOdE de ir “sOrTA” a rAbiOLA ATrÁs do AmAriO…
          rELAxA e g0zA ViU mAriO de ATrÁs do ArmAriO ?
          AnOTA ae o mEU pALpiTE prA finAL OLÍmpicA
          BrASiL 4 x 0 ALEmAnhA fOrA o bAiLE no vELhO mArAcA
          AOndE o BrASiL sEr qUAsE InvEnCívEL

  • Realista na terra de ninguém

    esse papo de essa Honduras Eliminou aquele negócio desconhecido onde único jogador de nome era titular do São Paulo kkkkkkkkkkk não da para engolir .. o fato é que nessa copa fraudee jogou contra ninguém pq ninguém veio pra essa olimpíada e o titulo já é 100% garantido … antes de começar todo mundo já sabia que tava tudo armado nesse circo .. não digoo comprado mas é como bater em bebados com encefaliaa .. nenhuma seleçãozinha fora o 7×1 f.c trouxe um se quer jogador de nome .. é um nível abaixo do poço .. jogadores lendários do passado devem se contorcer de inveja de nunca terem pego uma olimpiada tão entregue … mas é isso ai agora ganha desses cones de treino que tem a capacidade de serem piores que o 7×1 f.c e o povão q.i negativo mais os agentes sangue sugas da geração corrupçãoo ta batendo palmas … tudo deu certo como planejado ebaaaaaaaaaaaaaaaa braziuuuuu

    • evangelista william sergio

      gaYvota zé niNgUÉm vAi se InTErnAr vAi qUEm sAbE mAndAm jOgAr a ChAvE fOrA…o BrAsiL EmpATAr c/ as “grAndEs” sELEçOEs de IrAqUE e ÁfricA do SUL fOi TUdO ArmAdO TAmbÉm?