Futebol/Primeira Liga

Em formação, Paraná Clube e Avaí estreiam pela Primeira Liga

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes - Curitiba, PR
25/01/2017 09:37:06 — 25/01/2017 09:44:25

Em: Avaí, Futebol, Notícias, Paraná Clube, Primeira Liga
Zagueiro Brock deve ser uma das novidades do Tricolor (Divulgação/PRC)
Zagueiro Brock deve ser uma das novidades do Tricolor (Divulgação/PRC)

Com equipes reformuladas, Paraná Clube e Avaí se enfrentam pelo Grupo 4 da Primeira Liga, pela primeira vez na história, nesta quarta-feira, às 19 horas (de Brasília), na Vila Capanema, em Curitiba. Com times ainda se recuperando fisicamente do período de pré-temporada e muitas novidades nos elencos, o ritmo ainda não deverá ser dos melhores, mas a expectativa por um título inédito deve motivar em campo.

Pelo lado do Tricolor da Vila, técnico Wagner Lopes, que comandará sua primeira partida oficial após sua cegada, teve alguns testes durante o mês para tentar montar uma base competitiva para iniciar seu trabalho. Dois jogos-treinos diante do Joinville deram a pista de qual deve ser a formação titular, embora algumas dúvidas, especialmente no ataque, persistam.

Adepto do mistério, o comandante paranista não confirmou o time, mas adiantou que precisará de paciência e apoio do torcedor. “Tenho opções interessantes, mas eu tenho algumas condições que evito divulgar para não ajudar o adversário. Já tenho na minha cabeça mais ou menos as estratégias. Mas é um jogo de nervosismo, um jogo de uma equipe reformulada totalmente, então vamos precisar do apoio da torcida. Sem dúvida, é um grande desafio. Uma estreia sempre gera nervosismo, ainda mais nos jovens”, avaliou.

Pelo Avaí, o técnico Claudinei Oliveira, velho conhecido da torcida do Paraná, também aproveitou os testes durante a pré-temporada para montar a equipe. Sem contar com Marquinhos, que será poupado, além de Denílson, Junior Dutra e o goleiro Douglas ainda sem condições, o treinador deve levar a campo a mesma formação que perdeu para Rio Branco, de Paranaguá.

O comandante acredita que tudo é uma questão de ajustar as peças, sem necessariamente ter que modifica-las. “A princípio, mexo só o posicionamento, sem mexer os jogadores. Esses atletas podem nos dar um resultado melhor em campo, talvez ajustar o posicionamento de algum outro jogador para termos mais eficiência ofensiva”, concluiu.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ X AVAÍ

Local: Estádio Durival Brito e Silva, em Curitiba (PR)
Data: 25 de janeiro de 2017, quarta-feira
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Antônio Marcio Teixeira (MG)
Assistentes: Frederico Soares Vilarinho (MG) e Leonardo Henrique Pereira (MG)

PARANÁ: Léo; Diego Tavares, Airton, Brock e Igor; Alex Santana, Leandro Vilela, Vitor Feijão e Renatinho; Matheus Carvalho e Yan Phillipe
Técnico: Wagner Lopes

AVAÍ: Zozlinski; Alemão, Gustavo, Betão e Capa; Judson, Luan, Diego Jardel e João Paulo; Denilson e Romulo
Técnico: Claudinei Oliveira