Futebol/Campeonato Brasileiro

Botafogo perde para a Chapecoense e volta à zona de rebaixamento

Gazeta Press - Rio de Janeiro, RJ
24/07/2016 18:06:42 — 24/07/2016 19:57:36

Em: Botafogo, Campeonato Brasileiro Série A, Chapecoense, Futebol
Botafogo voltou à zona de rebaixamento (Foto: Divulgação/Chapecoense)
Botafogo voltou à zona de rebaixamento (Foto: Divulgação/Chapecoense)

A Chapecoense mostrou força em casa ao vencer o Botafogo por 2 a 1, neste domingo, na Arena Condá, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os alvinegros permanecem com 17 pontos, e acabaram voltando à zona de rebaixamento. Os catarinenses foram a 22 e seguem no meio da tabela.

O Botafogo foi melhor durante os 90 minutos, mas não aproveitou as chances criadas. A Chapecoense abriu o placar no primeiro tempo, com belo gol de Hyoran. Já na etapa final, os cariocas chegaram ao empate, com Camilo, mas viram os donos da casa marcarem logo em seguida, com Lucas Gomes, ex-Fluminense.

Na próxima rodada, os cariocas vão receber o líder Palmeiras, na segunda-feira, dia 1º, no Estádio Luso-Brasileiro. Já a Chapecoense viaja até a capital paulista para enfrentar o São Paulo, no próximo domingo.

O jogo – O Botafogo iniciou a partida dando susto na Chapecoense. Aos 3 minutos, após saída de bola errada de Marcelo Boeck, Canales não aproveitou e finalizou por cima do travessão.

Após um período de equilíbrio na partida, o Botafogo chegou novamente, aos 21, em chute de Salgueiro. A bola acabou subindo demais. Em sua primeira oportunidade, a Chapecoense abriu o placar, aos 24. Hyoran fez boa jogada individual e chutou no canto direito de Sidão.

O gol foi sentido pelos alvinegros, que só conseguiram pressionar nos minutos finais. Com 41 minutos, após bola levantada na área, o volante Bruno Silva tentou de bicicleta, mas colocou por cima do travessão. Assim, os donos da casa foram para o intervalo com a vantagem no placar.

No segundo tempo, o Botafogo começou melhor e quase empatou, aos 6. Neilton fez boa jogada e finalizou no canto, mas Marcelo Boeck fez a defesa. Depois disso, as chances se tornaram mais raras.

O panorama da partida permaneceu o mesmo. O Botafogo tinha mais posse de bola, e buscava com mais intensidade o ataque, pecando no último passe. A Chapecoense se limitava a marcar e só avançava nos contra-ataques, sem qualquer sucesso.

O Botafogo conseguiu empatar, aos 40 minutos, em lance de bola parada. Camilo cobrou falta com categoria, sem chance para Marcelo Boeck, deixando tudo igual na Arena Condá.

Quando parecia que o confronto ficaria no empate, a Chapecoense chegou a vitória. Aos 42 minutos, Lucas Gomes levou a melhor na dividida com a zaga carioca, entrou na área e tocou na saída de Sidão, definindo o placar final em Chapecó.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE 2 X 1 BOTAFOGO

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Data: 24 de julho de 2016 (Domingo)
Horário: 16h(de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)
Cartões amarelos: Sérgio Maoel (Chapecoense); Bruno Silva e Luís Henrique (Botafogo)
Gols: CHAPECOENSE: Hyoran, aos 24 minutos do primeiro tempo; Lucas Gomes, aos 42 minutos do segundo tempo; BOTAFOGO: Camilo, aos 40 minutos do segundo tempo

CHAPECOENSE: Marcelo Boeck, Gimenez, Filipe Machado, William Thiego e Demerson; Sérgio Manoel (Matheus Biteco), Josimar, Cleber Santana e Hyoran (Martinuccio); Ananias (Lucas Gomes) e Kempes
Técnico: Caio Júnior

BOTAFOGO: Sidão; Luis Ricardo, Emerson Santos, Joel Carli e Diogo Barbosa; Bruno Silva, Rodrigo Lindoso, Fernandes (Neilton) e Camilo; Juan Salgueiro (Gervásio Nuñez) e Gustavo Canales (Luís Henrique)
Técnico: Ricardo Gomes